Pós Burnley e o novo diretor do Arsenal

Por Alcysio | novembro 28, 2017

Acho que não tenho muito a acrescentar em relação ao jogo, mas acho pertinente manejar as expectativas da galera em relação a reformas bruscas no elenco num futuro próximo só porque a dupla Sven Mislintat e Raul Sanllehi serão as cabeças pensantes do futebol num futuro bem próximo, tipo semana que vem. Raul formalmente começa a trabalhar só em fevereiro, provavelmente por questões contratuais com o Barcelona.

Contudo, a verdade é que chegamos junto em dois profissionais extremamente gabaritados que estavam se sentindo alijados em seus clubes. É fato que eles não estão vindo para o Arsenal para ter suas decisões diminuidas pelo peso do Wenger.

Sendo assim, prevejo que o Wenger terá, no máximo, condição de igualdade com os novos contratados na hora de decidir nomes. Mas talvez decidir valores e a hora de bater o martelo já não sejam decisões que ele irá tomar, o que seria fantástico.

Pra mim, isso deixa claro que o clube está se estruturando para a vida pós wenger de maneira bastante rápida e decisiva. Está tudo pronto para o Arsenal fazer uma transição sem vácuo de poder, trazendo uma série de competências interessantes para nosso staff, umas que não temos desde a saída de David Dein.

Arsenal 2 – 0 Tottenham. Tudo normal.

Por Alcysio | novembro 20, 2017

Como é bom restaurar a ordem das coisas com uma atuação convincente contra o maior rival. Eles podem ter seu melhor time em 50 anos, mas no fundo isso só significa poder competir no nosso nível.

Mas, como prometi no vídeo, meu objetivo aqui é falar sobre Sven Mislintat, o novo chefe de recrutamento do clube. O Arsenal parece ter pago a rescisão contratual dele para o Dortmund e ele deve se juntar ao staff em breve. Essa mudança vem na esteira da saída de Steve Rowley, alguém que tinha seu trabalho questionado há bastante tempo e ainda se desentendia bastante tanto com o pessoal do setor de estatísticas do clube quanto com o próprio Wenger.

Mislintat andou batendo cabeça com Tuchel durante a temporada passada e o fato do clube do Ruhr ter preferido ficar com seu recrutador em detrimento do técnico diz bastante sobre o pedigree de um cara que levou Pulisic, Aubameyang e Dembelé para lá, apenas para citar alguns casos de sucesso.

Como isso vai refletir nas nossas transferências eu não sei, mas parece nítido que o clube está se estruturando para uma vida sem Wenger no médio prazo. Resta saber o quão médio é esse prazo.

Ingressos para Arsenal x West Ham/ Crystal Palace / Everton e Manchester City

Por Matheus Vianna | novembro 6, 2017

Arsenal acabou de disponibilizar a solicitação de ingressos para os jogos contra o West Ham (19/12), Crystal Palace (20/01), Everton (03/02) e Manchester City (24/02).

Abaixo os prazos para solicitação de ingressos para cada um dos jogos:

West Ham – 09/11

Crystal Palace – 15/11

Everton – 29/11

Manchester City – 14/12

Lembramos que a solicitação de ingressos é um direito somente para sócios da torcida!

Maiores informações, clique aqui.

City 3-1 Arsenal – Sem surpresas

Por Alcysio | novembro 6, 2017

Quando o time foi anunciado, com Coquelin teoricamente como volante, achei que o Wenger estava preparando um pulo do gato inteligente, se propondo a negar espaço onde o City usa melhor, na faixa central do campo a uns 30-35m do gol. A execução disso, contudo, foi completamente diferente das expectativas.

No lugar de um sistema para proteger a lentidão de Xhaka e atacar o cansaço nas pernas de De Bruyne e Silva com as corridas verticais de Ramsey e as antecipações do volante francês, um 3-4-3 padrão com Coquelin de líbero. Isso nos primeiros 5 minutos, logo depois ele entraria na zaga para não sair mais.

Com essa disposição em campo e, do outro lado, um time intencionalmente banguela, sem seu atacante de £50mi por opção do técnico, era uma questão de tempo para a superioridade do City se fazer presente, ainda que através de erros de arbitragem.

Comparem a pressão alta do Napoli com a nossa de ontem e veja onde está a diferença do Arsenal para outros times do top 20 europeu. Está no banco de reservas, de terno. O time é mal treinado e por isso é extremamente inflexível. Ainda assim, seguiremos achando jogador x ou y como bodes expiatórios de cada uma de nossas derrotas, ou será culpa do árbitro, do vento, da pressão atmosférica ou do godzilla.

A verdade é que o resultado de ontem foi plenamente normal para o que o Arsenal de hoje é capaz de produzir sob a batuta de Arsène Wenger.

 

 

 

Arsenal Brasil

131

sócios ativos

120 

 200

 
 

Neste momento a premiação
do bolão é:

1º lugar ganha: 1 passagem pra Londres, seguro viagem, 2 ingressos e Oyster card semanal
2º lugar ganha: 1 camisa home ou uma camisa away
3º lugar ganha: 1 ano de AB plano Prata
 

 

 

 

Ad 300x150

 

Ad 300x150

 

Ad 300x150

 

Ad 300x150